Lamon

Pitometria

MDH3966 – Maleta de Pitometria

A maleta de pitometria MDH3966  foi desenvolvida para medição de vazão tubulações de água com o tubo Pitot tipo Cole e em conformidade com a norma ABNT NBR ISO 3966:2013. O equipamento é fornecido com o software LogView que dentre outras funções, é capaz de emitir os certificados de calibração de acordo com a NIT DICLA-021 e o cálculo de incerteza da medição de acordo com o ISO GUM.

Descrição

A Maleta de levantamento de parâmetros hidráulicos funciona em conjunto com um tubo de Pitot Cole1 – que é inserido perpendicularmente à tubulação onde a vazão instantânea é medida por diferencial de pressão. Os dados (vazão, pressão, velocidade) coletados no ponto denominado estação pitométrica, são armazenados no equipamento para posterior envio a um sistema computacional – que acompanha o fornecimento e é compatível com o sistema operacional Windows, para posterior análise e emissão de relatórios.

A Maleta LAMON MDH3966 é o primeiro e único equipamento de mercado a possibilitar ao usuário a utilização do equipamento na metodologia tradicional da Pitometria ou a metodologia da norma ABNT-NBR-ISO3966 a partir de um mesmo Hardware.

Características

• Caixa plástica ABS a prova de água

• Grau de proteção: IP68

• Temperatura de operação: 0 a 60ºC
• Alimentação: Bateria de Lithium com autonomia para 10 anos
• Indicação simultânea de Pressão, Vazão, Velocidade, Totalização em display LCD gráfico de 128x64pixels.
• Configuração dos parâmetros de inicio, fim e intervalo assim como iniciar e parar o datalogger pelo teclado e/ou via software.
• Datalogger interno com possibilidade de programação de horário de inicio e termino das aquisições.
• Configuração, inicialização e finalização do logger através do teclado
• Memória Interna: capacidade superior a 1.000.000 de registros
• Dimensões: MDH3966 225x172x157mm
• Peso: +/- 3,8Kg

Do sensor de pressão:

  • Sensor de pressão tipo piezo resistivo;
  • Faixa de medição de 0 a 200 mca;
  • Exatidão de +/- 0,1 % do fundo da escala;

Do sensor diferencial de pressão:

  • Sensor diferencial de pressão tipo capacitivo;
  • Faixa de medição 0 a 1000 mmH2O, podendo ser ajustada em qualquer valor compreendido entre -3800 e 3800mmH2O;
  • Exatidão de =/- 0,15% do fundo da escala;

Comunicação digital com a célula sem a necessidade de uso de placa condicionadora de sinal, garantindo assim maior estabilidade e confiabilidade nas leituras do diferencial de pressão

Entradas Analógica e Digital

  • Equipamento dispõe de entrada analógica tipo 4-20mA e pulso (frequência máxima de 1000Hz) para realizar as rotinas de verificação de macro medidor em tempo real com a pitometria, sendo que os resultados deverão são apresentados instantaneamente no display do equipamento;
  • Possibilidade de registro do sinal de 4-20mA ou pulso, de acordo com a configuração previamente determinada, para posterior coleta via software.

Saída Digital

  • Equipamento dispõe de saída de pulso (frequência máxima de 1000Hz) possibilitando o uso do equipamento como um transmissor de vazão de campo.
Acessórios
• Conectores de pressão.
• Cabo de comunicação.
• Software LogView para coleta e geração de relatórios e gráficos, bem como de certificados de calibração em atendimento às recomedações do NIT DICLA-021.

Conformidade com a ABNT-NBR-ISO3966 e NIT-DICLA-021:

  • cálculo da massa específica do fluido com correção da temperatura;
  • cálculo da velocidade local considerando fator de calibração do tubo de Pitot;
  • cálculo da velocidade de descarga com método aritmético “Log-Linear” em seções circulares;
  • levantamento do perfil de velocidade utilizando 5 pontos por raio, em dois eixos reciprocamente perpendiculares;
  • medição de referência pelo canal de pulso, corrente ou repetição da medição do centro do conduto;
  • correção do efeito blocagem;
  • correção do gradiente de velocidade no eixo transversal;
  • correção devido à perda de carga
  • correção da turbulência de acordo como Anexo C;
  • cálculo das incertezas relacionadas à velocidade e vazão;
  • apresenta no display do equipamento os resultados das medições da vazão e velocidade com seus respectivo valores de incertezas;
  • cálculo numérico do fator de rugosidade (m) do conduto de acordo com Anexo F;
  • algoritmo de amortecimento dos dados do diferencial de pressão de acordo com Anexo D;
  • certificado de calibração emitido pelo software em conformidade com a normativa do INMETRO NIT-DICLA 021;
  • Cálculo da Incerteza final de acordo com o ISO GUM.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “MDH3966 – Maleta de Pitometria”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat